Escala Fácil - Serviço de Geração e Manutençao de Escalas de Trabalho

15 Passos para Montar Uma Escala de Trabalho e Folga

01 – Conheça as Leis Trabalhistas referentes a Repousos Semanais, Descansos intra e inter jornadas (Artigos 66, 67, 68 e 71 da CLT, Artigo 7 Da constituição Federal):

  • Nenhum intervalo interjornadas deve ser inferior a 11 horas.
  • As horas de trabalho semanal não devem ultrapassar 44 hrs.
  • As horas de Trabalho Diárias não devem ultrapassar 8 horas (já descontadas as horas de descanso).
  • Observe os períodos de descanso intrajornadas:
  1. Até 04 Horas diárias de trabalho não precisa de descanso
  2. De 04 a 06 horas são necessários 15 minutos de intervalo
  3. Acima de 06 horas é necessário um intervalo de no mínimo 60 minutos e no máximo 120 minutos.

“A não observância correta da lei pode acarretar em pagamento de horas extras.”


02 – Evite períodos de trabalho superior a 6 dias consecutivos (os dias excedentes deverão ser pagos em dobro).
03 – Não deixe ninguém sem folga aos domingos por mais do que 7 semanas consecutivas (verifique se a sua convença coletiva exige ao menos 1 folga dominical).
04 – Verifique as convenções coletivas dos sindicatos envolvidos.
05 – Conheça as necessidades da Empresa.

    • Número de funcionários atendendo simultaneamente
    • Horário de Trabalho
    • Dias da Semana com mais e com menos movimento.

06 – discrimine todos os setores da empresa
07 – discrimine todos os cargos da empresa
08 – Levante todos os turnos possíveis, incluindo hora de entrada, hora de saída, inicio de pausa e fim de pausa
09 – saiba das necessidades de cada funcionário (dia da semana preferencial de folga, folgas por semana, etc.)
10 – Relacione todos os funcionários com seus turnos – Lembre-se que um único funcionário pode trabalhar em diversos turnos, principalmente se ele desempenhar função de folgador ou trabalhar em diversos setores.
11 – Comece a montar a grade de trabalho e folga de cada funcionário, sempre um cargo de cada vez, Deixe os folgadores por último, para que cubram os dias de folga dos demais,
12 – faça com que na escala todos os funcionários tenham os mesmos direitos de folga, tenham horários cumpre as necessidades, não importa o tempo que isto demore.
13 – depois de montada a grade, verifique – dia por dia – a carga funcional, ou seja, se em todos os momentos do dia (ou do período de trabalho), haverá funcionários suficientes para atender as necessidades da empresa. Muitas vezes esta montagem da escala indicará a escolha entre a contratação de novo funcionários, ou a mudança dos horários de trabalho.
14 – Guarde sempre as escalas mensais e atualize com freqüência os dados dos funcionários.
15 – Observe os períodos de férias e afastamentos programados para realizar em tempo hábil as devidas substituições.

Sucesso para todos. Comentários serão bem vindos.

Escala Fácil
www.escalafacil.com.br

  • admin diz:

    Bom Dia Eliane,
    preciso saber o seguinte:
    - Qual o ramo da atividade
    - sempre tem que ter alguém atendendo, ou pode ter ausências (15 mins, 1 hr, etc)
    - No período da noite/madrugada quantos são necessários.
    Tudo indica para uma escala com 5 fixos e 2 folgadores, mas mande mais detalhes ok ?

    15 de dezembro de 2012 em 10:25